• home
  • sobre
  • contato
  • favoritos
  • 101 em 1001
  • 26 de maio de 2016

    Texto: Autoaceitação e Autoestima


    Eu sempre quis falar sobre autoestima e a aceitação do corpo aqui no blog. Mas nunca me senti preparada pra isso. Não que eu esteja agora. Não que a minha autoestima seja 100%. Mas ela melhorou de uns anos pra cá. E quero compartilhar um pouco com vocês.

    Eu sempre, sempre mesmo fui muito magra. Muito magra mesmo. Não igual às modelos nas capas de revistas. É magrela mesmo. E na minha infância, isso nunca me incomodou. Eu nem ligava pra isso, afinal, que criança liga?

    Mas tem uma certa fase, em que todas as meninas acabam “ganhando corpo” e isso não aconteceu comigo, a única coisa que cresceu em mim foi o meu cabelo, risos. Brincadeiras a parte, mas é a verdade. Lembro de ver todas as minhas colegas mais encorpadas do que eu. Bem mais. Até que comecei a receber alguns comentários desnecessários. Alguns deles são:

    - Nossa, você é muito magra! (com uma cara de reprovação).

    - Ela não come nada?

    - É um palito.

    - Tu não pode reclamar de nada, é magra.

    - Como tu faz pra ser tão magra?

    - Tu tens que engordar, desse jeito vai sumir! (e novamente, uma cara de reprovação).

    Claramente eu.
    E depois de ficar recebendo tantos comentários assim, eu achava que nenhum menino ia gostar de mim. Toda aquela coisa do início da adolescência. Que ninguém ia me querer e blábláblá. Lembro que as pessoas pensavam que eu tinha anorexia ou bulimia. Esqueci de comentar que eu sou “chata pra comer”, então, tudo somou e as pessoas “concluíam” isso. E era muito chato.

    Eu já deixei de usar vários shorts por ter a perna muito fina. Já fiquei pensando “já que roupa preta emagrece, não vou usar” ou “preciso usar roupas largas” apesar de hoje em dia, adorar camisetas largas e não largar a minha calça preta. 

    Uma vez, eu fiz um trabalho sobre anorexia (eu queria falar mais sobre e também da Anahi, que vocês sabem que eu sou fã), e o meu maior medo era das pessoas comentarem algo diretamente pra mim. Até que uma ex-colega minha comentou, “Cuidado pra não ficar assim.” E aquilo me marcou tanto. Não só aquilo. Uma vez uns cachorros estavam latindo pra mim e pra umas ex-colegas e uma ainda comentou “ah, não te preocupa Amanda, cachorro gosta de carne”. E essa é outra cena que eu lembro nitidamente. Eu chorei muito. Muito mesmo. E a partir daí, eu vi o quão maldoso as pessoas podem ser e que eu não posso ficar triste ou chorar por um comentário tão desnecessário.

    A Carol arrasa nas ilustrações.
    E eu sei muito bem que acontece o oposto. Meninas mais gordinhas sendo criticadas por não serem as modelos das capas de revistas. Até mesmo as baixinhas, as mais altas e assim vai. Sei o quão difícil é e que ninguém gosta de receber algum comentário maldoso relacionado à nossa aparência, por mais que isso não importe, não é nada fácil.

    Por isso, é sempre bom a gente cuidar com o que a gente fala. Tem vezes que eu sou meio sem filtro e me sinto mal depois. Tem gente que vive só de aparência. Que precisa falar dos outros pra preencher o vazio que tá dentro. Eu sei que é fácil falar que não se importa ou que aquilo não afeta nada... Mas na prática, não é tão fácil assim.

    Aqueles comentários me afetaram muito. E eu sei que pra alguns, isso pode parecer mais um drama. Mas pra mim não é. É sempre bom a gente se colocar no lugar dos outros, sei que às vezes não é fácil, mas é sempre bom tentar. Eu sei que todo mundo fala isso, mas é a verdade: se for pra mudar alguma coisa, mude por você, jamais pelos outros.

    Hoje em dia, eu me sinto mais segura. E como eu disse antes, não é 100%, mas quem é, né? Eu leio vários textos sobre o assunto e assisto a vários vídeos, isso me ajuda muito. Sem esquecer o feminismo, que ajuda muita gente por aí. Eu também cortei o meu cabelo, agora ele tá natural e isso tá me ajudando pra caramba. 

    Às vezes temos que "cagar" para certos comentários e muitos deles vem de pessoas próximas. Se amem incondicionalmente. Respeitem o próximo para serem respeitados. E uma frase que eu gosto muito é: "Admire a beleza do outro sem questionar a sua." Preciso dizer mais alguma coisa? Essa frase já diz tudo.

    Me contem um pouco sobre vocês, se já passaram por algo assim. Quero saber!  
    Obrigada quem leu até o fim, esse é mais um post pessoal que eu precisava compartilhar!
    Beijos.

    9 de maio de 2016

    Cinco filmes que não canso de assistir


    Olá! Como vocês estão? Espero que bem. Estou tentando me organizar para postar aqui no blog frequentemente, espero que de tudo certo. Bom, eu sempre falo de filmes aqui no blog, na verdade, faz um tempinho que não atualizo essa categoria. Dessa vez resolvi mudar um pouquinho e compartilhar com vocês alguns dos filmes que eu não me canso de assistir. Aqueles que, por mais que eu assista milhões de vezes, nunca vou enjoar. E é claro que faltaram alguns e que essa decisão não foi nada fácil, ahahah. Vem ver: 

    As Branquelas


    Pra vocês terem uma noção, teve uma fase em que eu assistia a esse filme toda a semana. Não me canso de assistir. É um dos meus filmes favoritos e se você ainda não assistiu (meio impossível), vá assistir agora! Não tem como ouvir A Thousand Miles e não lembrar do filme. É muito engraçado e acho que é um dos filmes que é melhor dublado do que legendado, sério. É risada na certa! 

    Meninas Malvadas



    "On wednesdays we wear pink." Esse filme é tão barro! Já vi várias vezes e nunca me canso. É tão engraçado, divertido e com personagens marcantes. Não preciso nem falar da Regina George, né? ELA TRAI O AARON SAMUELS TODA QUINTA NA SALA DE PROJEÇÃO EM CIMA DO AUDITÓRIO. Impossível não gostar! 

    A Escolha Perfeita 


    A primeira vez que eu assisti a esse filme foi no ano passado e já amei logo de cara. Lembro que eu passava horas no Youtube escutando as músicas do filme. E eu já vi algumas vezes também. E é claro que se estiver passando, eu vou correr pra assistir. E nessa lista também pode entrar o dois, que eu adoro demais! 

    Toy Story 3


    Escolhi o terceiro porque chorei mares. É uma animação encantadora e mesmo que eu assista diversas vezes, pode ter certeza que eu vou chorar em todas. Fico até sem palavras. O gif acima é de partir o coração, uma das melhores cenas. Toy Story é um filme incrível e cheio de lições. Melhor animação! 

    High School Musical



    Não sabia se escolhia o um, o dois ou o três, mas qualquer um, já tá valendo. Fez parte da minha infância e eu nunca vou me cansar de assistir, não importa a idade. Acho que todo mundo já assistiu e adora, não é? HSM pra sempre . (eu sempre fui a Sharpay e vocês?). 

    É claro que nessa lista, faltaram muitos filmes. Mas se eu fosse colocar todos os filmes que eu nunca me canso de assistir, ia ficar um post gigante, então, preferi selecionar só alguns e quem sabe, não tem parte dois? Heheh.

    E é isso. Espero que tenham gostado! Me contem quais os filmes que vocês não enjoam nunca. Quero saber, hein? 
    Beijos. 

    1 de maio de 2016

    Resumo do mês | Abril


    Olá! Tudo bem com vocês? Espero que sim. Eu sei que no mês de Abril estive bem ausente aqui no blog, uma pena. Mas até que eu fiz bastante coisa, viu? E por isso, vou tentar fazer sempre um resumão do que eu fiz em cada mês. Ultimamente, eu ando meio que em um "processo de autoconhecimento" e isso pode me ajudar. Ah, eu fiquei muito feliz que vocês gostaram da nova categoria aqui no blog, sobre faculdade, sei que foi só um post até agora, mas não vejo a hora de trazer mais sobre (aqui o post). Enfim. Vamos ver o que eu fiz no mês de Abril.

    1. Fui ao show das Cimorelli! Já fiz um post aqui no blog, como foi realizar esse sonho de conhecer elas pessoalmente. Só tenho a dizer que sinto muitas saudades desse dia, que sem dúvidas, foi um dos melhores na minha vida. 

    2. Vamos pagar mico? Vamos. Agora, o Snapchat tem esse novo "efeito", eu adorei. E é claro que eu virei a Mia Colucci, né mores? Heheheh. Besta, eu sei, mas eu gostei. Me adicionem lá: aamandapaz.

    3. Chegou o frio! Difícil mesmo é levantar cedo, mas vamos fazer o que? Agora é a fase do chocolate quente e finalmente, livre dos mosquitos. Obrigada! .

    4. Esse mês foi bem "pesado", digamos assim. Tive alguns trabalhos e algumas provas no curso, a ansiedade chegou, mas no fim, deu tudo certo. 

    5. Esse meu tênis é um bem velho que eu tenho aqui e ele era roxo e tudo mais. Dei a louca e resolvi pintar. O resultado foi aquele, agora não tiro mais ele do pé AUHEA.

    6. E pra finalizar, comprei esse pijama que eu amei! Ainda mais com essa frase. Fora que é super quentinho, não sei o nome do tecido, mas é um bem quentinho, risos. 

    Links:


    O que andei assistindo? 

    Série: Glee

    Terminei a terceira temporada de Glee e cada vez que passa, eu me apego mais. Agora que alguns já se formaram (não, isso não é um spoiler) vai ser legal acompanhar os sonhos de alguns se realizando. Só pra lembrar que eu amei o episódio em que eles fazem homenagem ao Michael Jackson, é muito amor.

    Filme: A Boa Mentira

    Eu tinha assistido boa parte do filme quando estava no meu pai, mas tivemos que sair, então, não consegui assistir tudo. Mas depois, decidi assistir todo o filme e olha, é muito bom. Infelizmente, em Abril, não assisti tantos filmes assim, mas posso dizer que esse meio que compensou hehehehe. Vale muito a pena e eu indico muito. Para assistir ao trailer, clique aqui
    Ah, só pra não deixar passar, no final de Março (faz tempo) assisti O Quarto de Jack e que filme fantástico!

    Favoritos do Youtube: 


    Eu ainda não sei o motivo de não ter assistido a esse vídeo antes, acho que era o tempo mesmo, tinha achado tão longo. Mas não façam como eu, assistam, vale muito a pena!


    É claro que não poderia faltar... A Camila fez um vídeo falando sobre eles e virou um dos meus favoritos na certa! Até mencionei no Twitter e ela curtiu. Muito amorzinho.


    Vocês precisam assistir a esse vídeo! Nesses últimos dias, fiquei assistindo vários vídeos sobre Au Pair e encontrei o canal dessa menina e amei. Esse vídeo, ela fez com as crianças e gente, que vontade de apertar.



    Outras que não poderiam faltar... A Foquinha entrevistou elas e eu amei. O legal é que elas se sentiram tão bem, tão confortáveis ao lado da Foquinha.


    Conheci o canal da Dóris faz pouco tempo e já amei. Esse é um vídeo muito legal e ao mesmo tempo, inspirador. Assistam!  

    E esses foram meio que os meus "favoritos" do mês. E que Maio seja melhor que Abril pra nós! Espero que tenham gostado. Me contem aqui o que vocês fizeram de interessante no mês passado e o que você pretendem fazer nesse mês. Vou adorar saber. 
    Beijos! 
    © Quebrar o Silêncio - 2016 | Todos os direitos reservados.
    Desenvolvimento por: Fairy Dream Design | Tecnologia do Blogger.
    imagem-logo